d0c035e1be47640c99cf8521b5f6d9a2.jpg
c8c2b63c886077b82370c37f0f86ef3a.jpg
e8684ceb08629899ba29709011a1189a.jpg
9fe50bf0af20e84b3d541b6cbf3c58c7.jpg
718053cb267a979c9500a7c2b40142bc.jpg
9661af32ffcaaa64d4e298ae3fd080b4.jpg
df7e2b59463e99b9fbb986ff5ee2d982.jpg
ef91bbe5819e048c1ea28ebb9737caab.jpg

Diretoria Municipal da Fazenda
A Diretoria Municipal da Fazenda é o órgão de assessoramento do Prefeito e demais órgãos e de gestão de atividades relacionadas com administração do controle fazendário, tendo competências específicas relacionadas a cada seção subordinada a ela, sendo que:

•  Compete à Seção de Arrecadação: Elaborar e propor ao Prefeito em articulação com os demais órgãos, a estratégia e as diretrizes de desenvolvimento fazendário do Município acompanhando sua aplicação; Coordenar os serviços da Seção; Assistir à Chefia de Gabinete em assuntos relacionados com a Diretoria; Formular diretrizes básicas que vise a obtenção de recursos e o desenvolvimento de programas que estejam ligados direta ou indiretamente à área de competência dos demais órgãos da administração municipal; Estabelecer e acompanhar de forma sistemática, para fins de supervisão a programação financeira ligada à tributação; Assessorar os trabalhos, no cumprimento de todos os programas correlatos Diretoria. Executar, prioritariamente e em caráter privativo, serviços de processamento de dados e tratamento de informações para a administração municipal, organizando e mantendo atualizados os cadastros municipais; Prestar informações de interesse dos diversos órgãos da Administração Municipal, com base nos registros cadastrais; Coligir e organizar o conhecimento das atividades administrativas, através de informações essenciais devidamente interpretadas, de modo a consolidar, em médio prazo, o banco de dados do Município; Participar de reuniões para melhor coordenação e encaminhamento das ações; Preparar o relatório mensal de suas atividades e submetê-lo ao Prefeito; Analisar as alterações verificadas nas previsões do orçamento anual e plurianual de investimentos da Diretoria e propor os ajustamentos necessários; Executar outras atividades correlatas que lhe forem determinadas pelo Prefeito.

•  Compete à Seção de Tesouraria: proceder à tomada de contas dos responsáveis por dinheiro, valores, títulos e documentos financeiros pertencentes ao Município; efetuar o lançamento dos impostos, taxas, multas e contribuições de melhoria do Município; arrecadar, diretamente ou por delegação as receitas do Município; controlar a execução dos contratos que acarretem ônus para o Município; desempenhar funções de gestão financeira e fiscal; administrar a dívida pública e ativa do Município; Organizar, programar e executar o controle das atividades financeira e fazendária do Município em irrestrita consonância com as determinações da Chefia de Gabinete; Exercer os controles de receitas e de numerários no âmbito da Administração Municipal, apreciando ou propondo pedidos de créditos adicionais de sua ou outra Diretoria; Elaborar proposta orçamentária do município e exercer seu acompanhamento; Assessorar os demais órgãos da administração municipal em assunto de natureza orçamentária e financeira; Participar de reuniões para melhor coordenação e encaminhamento das ações; Preparar o relatório mensal de suas atividades e submetê-lo ao Prefeito; Analisar as alterações verificadas nas previsões do orçamento anual e plurianual de investimentos da Diretoria e propor os ajustamentos necessários; Executar outras atividades correlatas que lhe forem determinadas pelo Prefeito.

•  Compete à Seção de Contabilidade: Efetuar a contabilização financeira, patrimonial e orçamentária do Município, nos termos da legislação em vigor; Estabelecer e acompanhar de forma sistemática, para fins de supervisão a programação financeira ligada à execução orçamentária; Realizar a tomada de contas, prestações de contas e balanços gerais de recursos e valores do município, ou sob sua administração; Promover estudos e pesquisas para determinar e detectar os problemas contábeis que impeçam o desenvolvimento organizacional da administração; Expedir relatórios, balancetes e balanços para diversos fins; Supervisionar, orientar e executar atividades relativas à administração contábil; Promover a expedição de documentos e subsídios às áreas interessadas; Elaborar, propor e executar, em coordenação com outros órgãos da administração, programas referentes às atividades destes, objetivando ação integrada para o desenvolvimento e registros contábeis necessários; Responsabilizar-se pelo emprego de recursos próprios ou repassados à administração pública municipal, encarregando-se, através de balanços anuais, da prestação de contas do Executivo Municipal; Efetuar a tomada de contas de depositários financeiros e de responsáveis pela guarda de bens do Poder Público Municipal; Elaborar os balancetes e extratos de contas exigidos pela administração da Municipalidade; Conferir as contas analíticas e sintéticas do “Razão” para conclusão do exercício financeiro e fazer ajustes necessários; Exercer os controles de receitas e de numerários no âmbito da Administração Municipal, apreciando ou propondo pedidos de créditos adicionais de sua ou outra Diretoria; Controlar e atualizar os dados da ficha contábil de fornecedores; Participar de reuniões para melhor coordenação e encaminhamento das ações; Preparar o relatório mensal de suas atividades e submetê-lo ao Prefeito; Analisar as alterações verificadas nas previsões do orçamento anual e plurianual de investimentos da Diretoria e propor os ajustamentos necessários; Executar outras atividades correlatas que lhe forem determinadas pelo Prefeito.

 

Clique aqui para ver o Balanço Anual Receitas e Despesas ano 2015

Siga pelo Facebook

Nossa Newsletter

Cadastre-se em nossa Newsletter e receba em seu e-mail nosso Informativo.

Previsão do Tempo

Nublado

30°C

Congonhas do Norte

Nublado

Umidade: 40%

Vento: 9.66 km/h

  • 11 Abr 2016

    Ensolarado 29°C 17°C

  • 12 Abr 2016

    Chuva fraca 29°C 18°C